SILVIO SANO > NIPÔNICA: Real? Irreal? Brr…

Na verdade, o título desta Nipônica é também o de um de meus oito kontos inclusos no último livro, Kontos Krônicas & Kanções, lançado recentemente. Trouxe-o aqui devido à kuriosidade de alguns leitores em relação ao mesmo, bem komo de alguns ainda não leitores, por se tratar de… terror. É… terror!
E a primeira pergunta, de todos: “Mas por kê terror se você kis marcar o livro komo vinculado à komunidade nikkei?” E minha primeira resposta, a todos: “E por kê não?”… seguido de um… “se até Edgar Allan Poe escreveu?”… rs. E komo! Se bem ke, longe disso, nem pretensão a tal eu tenho.
A razão de ter escrito esse konto vem de um fato ke já abordara aqui, dois anos atrás, para me referir à kestão da introspecção dos nikkeis e por serem pouco afeitos à auto promoção.
E o fato foi, por ter tido conhecimento de ke uma amiga de longa data, do karaokê, tivera uma filha escritora. Tivera! Pois é, soube disso três meses após seu falecimento. O pior é ke minha amiga sempre soube ke eu era escritor.
E me kontou ke a filha escrevia kontos e poemas, e era especialista em kontos de… terror! Karamba! Meu keixo kaiu! Busquei suas obras e me surpreendi de novo, agora, kom a kualidade, imaginação, criatividade e sensibilidade dela. Minha primeira reação, lógico, foi escrever uma Nipônica sobre ela. Depois, fiz questão de incluí-la no Kontos, Krônicas & Kanções. Tá lá!
Minha segunda reação? Eu próprio tentar escrever um… de terror, para também incluí-lo nesse livro, já em andamento. E isso implicaria em ter de vincular o tema também a algo nikkei. Saiu! Tá lá!
Não está grande koisa (meu lado japonês…), mas eu gostei (descartei meu lado japonês?) e isso é o ke importa. Né, não?!
Pois é… agora estou ligado! Mas não pretendo assumir o lugar dela, até porque um de meus males é não ser especialista em nada, procurando fazer de tudo um pouco. Por isso estou onde estou… rs. Mas isto é outra história.
Agora, com certeza, algo de terrorífico, não terrorista e nem terrível, pode sair, sim, mais à frente… tóc!… tóc!

Comentários
Loading...