HAICAI BRASILEIRO: Caititu – Folha amarela – Abolição

Jornal Nippak publica aqui os haicais enviados pelos leitores. Haicai é um tipo de poema que se originou no Japão. Seu maior expoente é Matsuo Bashô (1644-1694). O haicai caracteriza-se por descrever, de forma breve e objetiva, aspectos da natureza (inclusive a humana) ligados à passagem das estações. Hoje, no mundo inteiro, pessoas de todas as idades e formações escrevem haicais em suas línguas, atestando a universalidade dessa forma de expressão. 

Envie seus haicais (no máximo três de cada tema sugerido) digitados ou em letra legível, com nome (mesmo quando preferir o uso de pseudônimo), endereço e RG. 

Cada pessoa pode participar com apenas uma identidade. 

A seleção dos trabalhos é feita pelos haicaístas Edson Kenji Iura Francisco Handa. 

Envie suas cartas para:
Haicai Brasileiro
A/C Jornal Nippak
Rua da Glória, 332
CEP 01510-000 São Paulo-SP
E-mail: jornaldonikkey@yahoo.com.br
Cc. ashiguti@uol.com.br

 

TEMAS DE MAIO

Caititu – Folha amarela – Abolição

súbito o vento
muitas folhas amarelas
revoam ao léu
Carlos Viegas
Brasília, DF

Folhas amarelas
caídas da miniárvore –
Num potinho agora.
Cristiane Cardoso
São Paulo, SP

fugindo pra mata
o caititu precavido
abandona o rio
Débora Novaes de Castro
São Paulo, SP

abolição?
ora, ora… remanescem ainda
preconceito e exclusão
Elisa Campos
São Paulo, SP

só na lembrança –
vejo atravessando o rio
bando de caititus
Elisa Campos
São Paulo, SP

Livre dos sonhos –
Nenhuma abolição
resiste no fim.
Fernando A. A. Brito
Vitória da Conquista, BA

Vivos caititus –
Protegem as crias na
beira do rio.
Fernando A. A. Brito
Vitória da Conquista, BA

A Abolição!
O néctar da redenção
do homem cativo!
Iraí Verdan
Magé, RJ

Pelo amarelo
e preto ao seu pescoço…
Caititu ao Sol.
Iraí Verdan
Magé, RJ

os porcos-do-mato
ao longo do carreador
que ruidosa fuga!
José Marins
Curitiba, PR

Dia da Abolição –
Entre os alunos o grito…
Liberdade pra quem?
Mahelen Madureira
S. Bernardo, SP

Conversa de bar.
O dia da abolição,
quando se festeja?
Mário A. J. Zamataro
Curitiba, PR

banco de jardim –
na mão, receita do médico
e a folha amarela
Regina Alonso
Santos, SP

Bengala e pés
Pisam folhas amarelas –
Idoso no parque.
Reneu Berni
Goiânia, GO

ágil e esperto
um caititu caminha
entre os carros
Rose Mendes
Ilhabela, SP

ventania:
rodopiam no gramado
folhas amarelas
Rose Mendes
Ilhabela, SP

no calendário
a memória de um povo –
abolição
Seishin
São Paulo, SP

Outra vez não!
Solta o caboclo sentido
Caititus no celeiro.
Yone
São Paulo, SP

 

 

Temas de julho (postar até 10 de junho)
Atum – Couve-flor – Meia de lã

Temas de agosto (postar até 10 de julho)
Mosca de inverno – Árvore seca – Aquecedor

 

Comentários
Loading...