Chega ao Brasil o novo Yaris, carro global da Toyota

Yaris, sonho da Toyota que se torna realidade (Jiro Mochizuki)
Yaris, sonho da Toyota que se torna realidade (Jiro Mochizuki)

A Toyota do Brasil escolheu a Bienal Internacional de Arte de São Paulo, no Parque do Ibirapuera (zona Sul de São Paulo), como cenário para apresentar à imprensa, no último dia 7, o compacto premium Yaris, sucesso de vendas em diversos países do mundo e sinônimo do autêntico QDR – Qualidade, Durabilidade e Confiabilidade da marca japonesa.

Rafael Chang e Celso Simomura (Jiro Mochizuki)
Rafael Chang e Celso Simomura (Jiro Mochizuki)

O evento contou com a presença do CEO da Toyota para América Latina e Caribe, Steve St.Angelo; do presidente da Toyota do Brasil, Rafael Chang, e do vice-presidente executivo da fabricante, Miguel Fonseca, além do vice-presidente da Toyota do Brasil, Celso Simomura.
Fabricado na planta de Sorocaba (SP), o Yaris está disponível nas versões hatch e sedã. O modelo conta com os motores 1.3 e 1.5 litro Dual VVT-i – que já equipam o Etios – e é equipado com uma série de itens de conveniência, tecnologia e segurança em todas as versões, como vidros e travas elétricos, controle de estabilidade, tração e assistente de subida em rampa, faróis com regulagem elétrica e acendimento automático, roda de liga leve de 15” e faróis de neblina.
Segundo Miguel Fonseca, sua concepção levou em consideração cinco pontos importantes: design avançado e emocional; conforto expansivo; dirigibilidade e silêncio a bordo; eficiência dinâmica e tecnologia e segurança – vem com controle de estabilidade e tração para todas as versões e sete airbags na versão topo de linha são os destaques.

Preços – Na versão hatch, os preços variam entre XL 1.3L 16V manual R$ 59.590,00 e XLS 1.5L 16V CVT R$ 77.590,00. Já na versão sedã os preços vão de R$ 63.990,00 (XL 1.5L 16V manual) a R$ 79.990,00 (XLS 1.5L 16V CVT). Rafael Chang disse aos jornalistas que está “motivado” e “feliz”. Apesar de um ano “desfavoravel” para a economia brasileira, o presidente da Toyota afirmou que está “confiante”. “Seguiremos investindo acreditando no Brasil”, disse Chang, explicando que o Yaris é fruto de uma sequência de trabalho que tem com premissa buscar o crescimento sustentável.
Segundo ele, a meta da montadora para este ano é produzir 200 mil unidades, já incluindo o Yaris, o que representaria um aumento de 5% em relação a 2017, um recorde histórico para a Toyota. Durante a apresentação, Rafael Chang anunciou a implantação do terceiro turno nas plantas de Sorocaba e Porto Feliz, o que deve criar cerca de 870 novos empregos. De acordo com o v, ice-presidente da Toyota do Brasil, Celso Simomura, a ideia é fabricar 160 mil veículos ao ano em Sorocaba, c

ontra os 108 mil atuais, dos quais 27% têm como destino mercados externos.
Ao Nippak, o ministro do Trabalho, Helton Yomura disse ter sido informado por executivos da empresa em reunião no TRT em São Paulo e que ficou “muito feliz”.

Comentários
Loading...